Números do Instituto Pet Brasil indicam que o e-commerce já movimenta cerca R$ 2 bilhões por ano do mercado de pets. Os números atestam a força do segmento no Brasil. De acordo os últimos dados do IBGE, são 52,5 milhões de cães, 37,9 milhões de aves, 22,1 milhões de gatos, 18 milhões peixes e 2,2 milhões répteis e pequenos mamíferos no país. Com pouco mais de 30 mil lojas espalhadas pelo Brasil, o negócio é dominado pelas pequenas lojas. De acordo com o último levantamento da Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm), o segmento pet já é 11º em tíquete médio de vendas online no Brasil, com gastos médios de R$ 177,46.

É preciso lembrar que o Brasil é o terceiro maior país do mundo em faturamento no segmento, então estamos em um terreno muito fértil.O País possui a quarta maior população de animais de estimação no mundo, segundo levantamento da empresa de pesquisa de mercado Euromonitor, e ocupa a terceira maior posição em faturamento, ou 5,14% da fatia mundial. Alimentação representa mais da metade das receitas, mas o setor de serviços vem ganhando importância – o movimento segue a profissionalização e as atividades estão cada vez mais diferenciadas, segundo o Instituto Pet Brasil. Com cerca de 30 mil lojas, a área ainda é dominada pelas pequenas lojas e pelas vendas em mercadinhos e nos supermercados.Há um grande potencial de evolução para esse mercado, que ainda é muito pulverizado.

Você trabalha com o setor Pet ou está pensando em entrar nesse mercado? Entre em contato conosco e trabalhe com nossos produtos! Ficaremos felizes em indicar um distribuidor próximo de você!

 

%d blogueiros gostam disto: