Não é só você que ama seu gato! Cientistas também adoram fazer pesquisa sobre o comportamento e a saúde dos felinos. Vamos compartilhar aqui 7 coisas que a ciência já descobriu sobre os gatos.

1 – PERSONALIDADE
Que palavra melhor define o seu gato: sociável, afetuoso, mal-humorado ou tímido? Os quatro perfis possíveis foram identificados por cientistas da universidade americana de Central Missouri num estudo com 196 donos de felinos. De acordo com o levantamento, a classificação vale tanto para machos quanto para fêmeas. E, ainda segundo os pesquisadores, gatos mais velhos tendem a ser mais introvertidos e menos curiosos.

2 – DONOS
Acredite: gatos e cães têm tipos de dono diferentes. A descoberta é de pesquisadores da universidade de Carroll, nos Estados Unidos. Após entrevistarem cerca de 600 pessoas, eles concluíram que os donos de cachorros são mais extrovertidos que aqueles que têm gatos – entre outras diferenças. Para os pesquisadores, é possível que as pessoas escolham um animal de estimação de acordo com sua própria personalidade.

3 – HÁBITOS
Gatos mais caseiros têm os mesmos hábitos que seus donos. A descoberta é de pesquisadores da universidade italiana de Messina. Num experimento, eles analisaram a rotina de cinco felinos que viviam numa casa pequena, cinco que viviam numa casa maior e passavam a noite fora e seus respectivos donos. No fim, os cientistas perceberam que os gatos que viviam na casa menor tinham praticamente os mesmos hábitos que seus donos – apresentando horários de alimentação e sono parecidos e até engordando ao mesmo tempo.

4 – SAÚDE
Ter um gato faz bem para o coração (e não apenas no sentido figurado). É o que aponta um estudo realizado com 4.500 pessoas durante 20 anos por cientistas da universidade de Minnesota, nos Estados Unidos. De acordo com o trabalho, os participantes que não criavam felinos tinham 40% mais chances de morrer de ataque cardíaco do que os donos de gatos. Os pesquisadores acreditam que isso possa estar relacionado com o efeito relaxante de se ter um bichinho desses em casa.

5 – HERANÇA
Seu gato de estimação tem 95% do genoma de um tigre. É o que afirma um estudo realizado por cientistas da Fundação de Pesquisa do Genoma de Suwon, na Coreia do Sul. De acordo com o trabalho, os tigres (que são os maiores felinos do mundo) começaram a se diferenciar geneticamente dos gatos há aproximadamente 10,8 milhões de anos.

6 – VISÃO
Gatos têm um campo visual mais amplo que humanos. Porém, eles precisam estar mais perto de um objeto que nós para enxergá-lo com nitidez. Os dados são de pesquisadores do Animal Eye Institute e da Escola de Medicina Veterinária da universidade da Pensilvânia, nos Estados Unidos. Com base nelas, o blogueiro Nickolay Lamm criou uma simulação muito interessante de como deve ser a visão dos gatos.

7 – OLINGUITO
Cientistas do Instituto Smithsonian descobriram nas florestas da Colômbia e do Equador uma nova espécie em 2013. Batizado de olinguito (Bassaricyon neblina), o animal parece (mas não é) uma mistura de gato doméstico e urso de pelúcia. Segundo os pesquisadores, o olinguito é mamífero e tem hábitos noturnos.

*Com informação de Exame

%d blogueiros gostam disto: