06

dezembro

5 dicas para montar uma árvore de Natal à prova de gatos

5 dicas para montar uma árvore de Natal à prova de gatos

Chegou a época de decorar a casa e, normalmente, o clima natalino é traduzido em vários enfeites e uma árvore de Natal cheia de penduricalhos. Se você tem gato (ou gatos) em casa, já deve ter percebido que é uma tarefa muito difícil manter os bichinhos longe das bolinhas brilhantes.

Mas você não precisa abrir mão da decoração de Natal por isso! Basta tomar alguns cuidados e fazer algumas escolhas diferentes para que seus bichinhos fiquem seguros perto dos enfeites.

1 – Escolha a árvore cuidadosamente

Uma árvore pequena é mais segura do que uma grande, pois menos objetos vão quebrar caso aconteça alguma coisa errada. Se você ainda tem gatos filhotes, uma árvore de mesa é a melhor opção, até que o bichinho cresça e deixe de ser tão brincalhão. Uma alternativa é enrolar papel alumínio no tronco da árvore. Como os gatos pequenos não gostam de arranhar alumínio, vão evitar o contato.

2 – Deixe a área em volta liberada

Escolha um local com bastante espaço em volta da árvore, para que ela não fique muito perto de objetos que o gato consiga escalar. Se tiver prateleiras ou mobílias que sirvam de trampolim, é muito provável que o gato tente saltar.

Se for uma opção, deixe a árvore em um cômodo que possa ser fechado durante a noite ou quando não houver ninguém por perto. Como falamos na dica anterior, deixar a árvore em cima de uma mesa, ajuda a diminuir o interesse do gato. Use uma fita adesiva para prender bem o suporte no chão.

3 – Deixe o gato se acostumar com a árvore

Pense na possibilidade de não decorar a árvore nos primeiros dias. Com isso você dá tempo para que o animal vá se adaptando e aprenda a deixar a árvore em paz.  Uma boa ideia é deixar o gato investigá-la e ficar acompanhando. Fique com um borrifador de água ao alcance, como segurança. Se o gato mostrar algum sinal de que vai saltar na árvore, borrife levemente suas costas e diga “NÃO!”. Isso fará o animal desistir de tentar novamente, e deve ser o suficiente para ensiná-lo que a árvore de Natal não é brinquedo.

 4 – Escolha enfeites menos atraentes para o gato

As bolinhas que piscam, brilham e balançam bastante são uma tentação para o seu animalzinho. Então é melhor escolher enfeites mais discretos, mais foscos e que não balançam tanto. Feltro e papel são a melhor escolha. É recomendado que você também evite utilizar neve artificial, velas de verdade e comida na decoração.

5 – Cuidado com os fios elétricos

Se você colocou luzes na decoração, lembre de proteger muito bem os fios elétricos. Use uma fita para esconder os fios e evitar que o gato alcance. Também evite deixa-los pendurados ou enrolados em lugar de fácil acesso. E por precaução, sempre desligue as luzes quando não houver ninguém no cômodo.

Com essas dicas você pode curtir a sua decoração de Natal com mais tranquilidade, já que seu gatinho estará mais protegido. Ainda assim, é possível que o gato suba na árvore de qualquer jeito! Mas se isso acontecer, você já garantiu que a árvore não vai cair e que os enfeites não vão machucar seu pet.

Via

Deixe uma resposta

Os campos com * são obrigatórios

dezoito − 11 =